Trainee aos 35! Letícia é a prova de que é possível!

Diversas empresas estão aumentando ou até mesmo excluindo o período de formação requisitado em Programas de Trainee, dando oportunidade para profissionais mais velhos.

A preocupação com a idade é recorrente para Programas de Trainee. Afinal, há um limite?

Não que haja um limite. Contudo, ainda é frequente que as empresas requisitem profissionais recém-formados, o que pode ser motivo de exclusão para profissionais mais velhos que tenham terminado a graduação a mais tempo.

Este panorama, entretanto, vem sofrendo modificações Já observamos empresas que não possuem limite quanto ao ano de formação e idade, como é o caso do Recruta Stone e do Programa de Trainee Riachuelo que, em suas últimas seletivas não impuseram como requisito ano de formação. 

Outras empresas estão pedindo profissionais formados há até entre quatro e cinco anos. Entre elas, destacamos a Seara, JBS, Unidas, Votorantim, DHL, Volkswagen e Arco Educação.

Trainee aprovada aos 35 anos é prova das mudanças nas exigências das empresas

A Trainee Usiminas, Letícia Pecoraro, é a prova que a idade está deixando de ser um fator limitante para quem tem o desejo de ser Trainee. 

Letícia começou a pensar em ser Trainee em 2004, quando terminou o Ensino Médio e começou, na época, a faculdade de Direito. O desejo, entretanto, foi concretizado anos depois, aos 35 anos de idade.

“Dá um medo porque parece que a empresa procura um jovem profissional. (…) Fui aprovada como Trainee do Setor Comercial de vendas da Usiminas, que é uma das grandes empresas de Siderurgia do Brasil e está sendo uma experiência incrível porque a gente ouve falar de trainees aprovados, escuta as experiências, mas acho que você tem que viver para saber como é. E cada empresa tem um contexto, cada grupo vai experimentar uma coisa diferente”.

Letícia destaca no Programa de Trainee Usiminas o cuidado com o desenvolvimento de carreira dos trainees. “É impressionante o cuidado que a trilha de desenvolvimento foi criada pelo pessoal da Usiminas, tudo muito pensado e à medida que mostramos que temos necessidades de alguma coisa eles estão se adaptando e tentando ajudar o tempo todo”, contou.

Com o Programa, Letícia alcançou seu desejo de aprender e ter contato com profissionais experientes. 

“Os profissionais com os quais estamos tendo o contato são os melhores do mercado e é exatamente isso que eu queria quando me inscrevi para ser trainee: ter a oportunidade de estar ao lado de pessoas de mentes brilhantes do mercado e de aprender, observar e ser tutorada por eles”.

Para quem já passou dos 30 e pensa em ser Trainee, Letícia deixa um recado. “Se alguém estiver com essa mesma dúvida em relação à idade, digo que tudo que a gente tem na vida, em relação à vivências, devemos enxergar como uma coisa boa, tentar trazer um lado bom. É preciso pensar daqui para frente e tudo que vivi nesse meio tempo me ajudou muito. Eu consegui observar, melhor entender as pessoas. A  gente tem que estar com a cabeça jovem, a cabeça aberta. Se você estiver assim, não tem idade que limite. E também não podemos perder a curiosidade. A limitação é a gente que cria. E temos que aproveitar o momento que as empresas estão cada vez mais tentando incluir pessoas diferentes em seus quadros”, conclui.

Veja o vídeo completo da entrevista com Letícia:

Agora que você já viu que para ser trainee há cada vez menos barreiras, aproveite que ainda dá tempo para se inscrever para os últimos dias de atividade do Desafio da Aprovação e ficar mais perto do sonho de ser Trainee de uma grande empresa.

INSCREVA-SE NO DESAFIO DA APROVAÇÃO

 

Relacionados Posts

Próximo Post

Discutindo sobre isso post

Bem vindo de volta!

Entre em sua conta abaixo

Criar nova conta

Preencha o formulário abaixo para se cadastrar.

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Adicionar nova lista de reprodução