Nenhum produto no carrinho.

Testes gamificados: confira dicas de como se dar bem nesta etapa da seleção! 

Certamente você já viu em alguma etapa de um processo para estágio ou trainee o termo “testes gamificados”. Isso porque, este tipo de dinâmica tem se tornado tendência na hora de avaliar os candidatos.

A gamificação consiste na inclusão de características próprias de games em atividades do dia a dia, com o objetivo de torná-las mais interessantes e dinâmicas.

Ao utilizar este recurso, a empresa tem a possibilidade de conseguir avaliar habilidades que um processo tradicional não conseguiria alcançar.

O jogo no recrutamento e como as empresas estruturam os testes gamificados

Os testes gamificados, também chamados de jogos corporativos, são utilizados nos processos tanto para avaliar os candidatos quanto para passar as informações acerca da empresa. Eles também podem ser aplicados para a simulação de um ambiente de trabalho, onde o candidato pode, na prática, experimentar alguns desafios do seu cargo.

Os testes gamificados são construídos de acordo com o objetivo da empresa para a seleção. Por isso, conseguem avaliar habilidades e competências que dinâmicas tradicionais não dariam conta.
Os testes gamificados são construídos de acordo com o objetivo da empresa para a seleção. Por isso, conseguem avaliar habilidades e competências que dinâmicas tradicionais não dariam conta.

Além disso, a lógica dos jogos é aplicada de acordo com um resultado pré-definido, ou seja, assim como em um game, o candidato precisa cumprir uma missão, o que garante experiências significativas de comportamentos e ideias. A partir dessas experiências, os recrutadores irão avaliar os comportamentos esperados para a vaga.

Como a atual geração de jovens tem bastante familiaridade com o digital, a gamificação como parte dos processos corporativos é um estímulo para a atração de novos talentos e para a retenção deles. Isso porque, os talentos vão enxergar a empresa como um ambiente inovador e que instiga a criatividade.

Dicas para se dar bem nos testes gamificados

Passou o tempo em que os videogames eram vistos somente como uma ferramenta de lazer. Atualmente, os jogos são ótimas ferramentas para o exercício do cérebro, em relação à agilidade, pensamento lógico, retenção de informação e outras habilidades. 

Habilidades de gamers cada vez mais são valorizadas no mundo corporativo
Habilidades de gamers cada vez mais são valorizadas no mundo corporativo

Assim, se você tem o costume de jogar, certamente vai levar vantagem nos testes gamificados, já que os jogos passam a ser vistos como um instrumento de aprendizagem.

A seguir, destacamos as principais características que os jogos procuram avaliar em processos de recrutamento. Confira:

Estratégia

Você vai ter que traçar um plano para atingir as próximas etapas. Os desafios precisam ser cumpridos de acordo com o que o jogo pede. Assim, é preciso pensar dentro do contexto que o jogo está inserido.

Como trata-se de um processo personalizado de acordo com a empresa, para os candidatos, é essencial estarem cientes dos valores e objetivos institucionais para traçar uma estratégia eficiente para a dinâmica.

Criatividade

A ludicidade dos jogos permite que você experimente diferentes situações. O objetivo é não errar ou errar o menos possível.

No caso de erro, o jogador tem a oportunidade de experimentar uma outra forma de jogar, já com o conhecimento adquirido. 

Estimular a criatividade e fugir do óbvio é essencial para encontrar novos caminhos e atingir as metas e cumprir o que o jogo está demandando.

Agilidade

A rapidez no cumprimento das tarefas é um dos principais pontos avaliados em jogos corporativos, pois demonstram como você lida com a resolução dos problemas e momentos de pressão.

Por isso, é comum que a agilidade seja recompensada com pontos e bônus nos jogos.

Concentração

A concentração e capacidade de manter o foco são pontos que estão diretamente proporcionais ao cumprimento de tarefas da forma correta. Assim, é preciso prestar atenção em tudo, não perder nenhum detalhe que seja importante para o desafio que está sendo proposto.

Por isso, na hora do jogo, busque ficar em um lugar tranquilo e sem interrupções que possam desviar sua atenção.

Capacidade de trabalhar em equipe

Quando várias pessoas estão juntas em prol de um objetivo comum, certamente o trabalho fica mais fácil.

Assim, se o jogo corporativo for em equipe, é imprescindível conhecer mais sobre os outros jogadores, pois vai ajudar na divisão de tarefas. É essencial que todos tenham seus papéis definidos no jogo para que, dessa forma, possam se concentrar na resolução do problema/ desafio proposto.

Você já participou de testes gamificados? Qual foi sua maior dificuldade? Conta pra gente nos comentários! 

 

Relacionados Posts

Próximo Post

Discutindo sobre isso post

Bem vindo de volta!

Entre em sua conta abaixo

Criar nova conta

Preencha o formulário abaixo para se cadastrar.

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Adicionar nova lista de reprodução